28 de fevereiro de 2017

O Escravo

Ludwig Deutsch
Libertaram o escravo quebrando-lhes as correntes
E ele ficou mais escravo do que nunca.

Trazia consigo os ferros do servilismo,
As algemas da indolência e da preguiça,
as cadeias do temor e da superstição,
da ignorância, da desconfiança, da barbárie...
Sua escravidão não estava nas correntes,
mas nele próprio.

Somente os homens livres se libertam...
E nem isso é necessário:
Os homens livres libertam-se sozinho

James Oppenheim (1882-1932)
Tradução: Sérgio Milliet

Nenhum comentário: