9 de novembro de 2016

Claridade

Bustamante Sá
Afortunados são os bosques
onde sem bridas
a luz campeia
entre as folhagens

suas crinas douradas

Tão leve se lustra a água
na medida exata
que os rebanhos bebem
junto às raposas

sem temor selvagem.

Por que só a mim discrimina a claridade?

Deborah Brennand (1927-2015)

Nenhum comentário: