22 de junho de 2016

Luz

Elena Lishanskaya
Quando o coração é luz,
tudo se veste de luz.
Dos altos cumes não descem águas turvas,
mas transparentes.

Ignacio Larrañaga (1928-2013)

Nenhum comentário: