14 de março de 2016

Juventude gera Juventude

Henry Scott Tuke
Fui tal qual uma criança
E tal qual um homem
Conjuguei com paixão
O verbo ser e a minha juventude
Com vontade de ser homem

Queremo-nos mal quando se é jovem
Um homenzinho
Teria querido fazer de mim uma criança grande
Mais forte e mais justa do que um homem
E mais lúcida do que uma simples criança

Juventude força fraterna
O sangue repete a primavera
A aurora é de todas as idades
Numa qualquer delas se abre a porta
Resplandecente da coragem

Como um diálogo de amantes apaixonados
O coração só tem uma boca para falar.

Paul Éluard (1895-1952)
Tradução: Maria Gabriela Llansol

Nenhum comentário: