9 de novembro de 2015

O modo de voar das andorinhas

Kano Osanobu
O modo de voar das andorinhas
deixa perplexas até as borboletas.
O canto sem sentido dos pequenos papa-figos
parecem ironizar o laborioso zumbido das abelhas.
As belas do dia no pátio interno
e os bambus na frente da torre
procuram entender como o vento da primavera
arrisca-se a fazer dançar os choupos verdejantes.

Bai Yuchan (1194-1227)
Tradução: Sérgio Capparelli
燕科燕科燕科燕科

Nenhum comentário: