11 de novembro de 2015

Literatura na Idade Média

Cristina de Pisano
Na Idade Média a literatura popular era a erudita, se calhar porque em cultura tudo era povo. Depois a arte soube de si que existia e passou a haver divisão de classes. Hoje refinou-se até quase se sumir. Foi quando no cansaço da subtileza se olhou a arte popular com simpatia. E a das crianças. E a dos loucos. Mas a própria arte erudita pôde distanciar-se da que o era de menos e criou e marcou as suas distâncias. Na literatura culta há assim a de consumo intelectual e a que é em fornada para a grande massa, menos ginasticada do espírito. É a literatura direta, aplainada, tratada a mão grossa nos temas e processos para os circuitos da sociedade de consumo. Qual delas tem significação? Mas era preciso saber qual a significação do nosso tempo. Ou a significação de ter significação. Não a sabemos.
Vergílio Ferreira (1916-1996)

Nenhum comentário: