29 de setembro de 2015

Venho do Mar

Ivan Konstantinovich Aivazovsky
Venho do mar
Venho dos montes
Sê amiga do meu repouso

Se apeteço ser rei
Ter um barco e um cão
E dos meus amigos ser amigo

Sê benigna
Se me amas.

António da Costa (1824-1892)

Nenhum comentário: