10 de setembro de 2015

A Fonte

Léon Bonat
Depois de longa ausência e penosa distância,
vi a fonte da mata,
de cuja água bebi, na minha infância.

E que melancolia
nessa emoção, tão grata!

Ver - constância das coisas, na inconstância...
ver que a Poesia é uma segunda infância,
e que toda a poesia...

... vem da fonte da mata...

Hermes Fontes (1888-1930)

Nenhum comentário: