9 de março de 2015

O homem é o sonho de uma sombra

Eugene de Blaas
A sorte dos mortais
cresce num só momento;
e um só momento basta
para a lançar por terra,
quando o cruel destino
a venha sacudir.

Efêmeros! que somos?
que não somos? O homem
é o sonho de uma sombra.
Mas quando os deuses lançam
sobre ele a luz,
claro esplendor o envolve
e doce é então a vida.

— Píndaro (522-443 a.C.)
Tradução: Péricles Eugênio

Nenhum comentário: