16 de novembro de 2014

Hinos Órficos

Nicolas Poussin
Os hinos Órficos são um conjunto de composições poéticas pré-clássicas, atribuídas ao culto do herói Orpheu, provavelmente escritos por vários e diferentes poetas.
Os hinos órficos contém uma série de pistas riquíssimas sobre a mitologia pré-histórica europeia, revelando indistintamente misticismo e liturgia.
Em um período indefinido da historiografia, surge Orfeu, o cantor místico, filho, segundo a mitologia grega, da musa Caliope.
Para as Nuvens
Simon Vouet
Nuvens aéreas, através das resplandecentes planícies do céu.
Vagueiam progenitoras de férteis chuvas;
Alimentam os frutos, cujas pinturas de água são lançadas,
Por ventos impetuosos, em redor do mundo poderoso;
Todo-trovejante, rugido de leão, fogo lampejante,
No largo seio do Ar, que carrega medonhos trovões.
Impelidos por toda a tempestade, sonante vendaval,
Em curso rápido, através dos céus, vós tombais.

Com ventos soprando vossas pinturas de água, eu chamo,
Para na mãe Terra com fecundas chuvas caírem.

Fonte: (Nova Acrópole)

Nenhum comentário: