2 de setembro de 2014

Lamento da Escada de Jade

Marc Chagall
A concubina não é mais jovem. Cada vez menos solicitada, raramente sobe a Escada de Jade que leva ao quarto do Imperador.

Nos degraus da escada de jade
já rolam
as pérolas do orvalho
que vai molhar
suas sapatilhas de seda durante toda a noite.

Na alcova,
ela corre a cortina de cristal
e olha a lua de outono
ondulando.

Li Bai (701-762) - poeta chinês
Tradução: Décio Pignatari

Nenhum comentário: