14 de novembro de 2013

Balanço

Arthur Hacker
A pobreza do eu
a opulência do mundo

A opulência do eu
a pobreza do mundo

A pobreza de tudo
a opulência de tudo

A incerteza de tudo
na certeza de nada.

Carlos Drummond de Andrade (1902-1987)

Nenhum comentário: