7 de julho de 2013

Objetivo

Friedrich August von Kaulbach
Nos confins do Universo,
Mora uma alma encarnada.
Dentro dessa alma um verso,
Dentro do verso uma estrada...
Nos confins dessa estrada,
Mora algo pequenino.
Dentro do algo, uma escada.
E, na escada, o destino.

Genildo Mota Nunes

Nenhum comentário: