20 de junho de 2013

Esperar o Vento...

Hermen Anglada-Camarasa
Há no silêncio do ar
uma paz autorizada...
um murmúrio lírico
no renascimento
de cada momento.
o pássaro brinca entre uma nota de assobio
e um sopro de vento.
a borboleta adormece — encantada.
(...)
para haver paz
há que caminhar silêncios.

Ondjaki
Pseudônimo do escritor angolano Ndalu de Almeida

Nenhum comentário: