15 de abril de 2013

15 • Dia da Conservação do Solo

Solo Sufocado
A garganta rachada
pede chuva e compaixão
em seu solo aberto.

Detritos tóxicos
ardência em suas cordas vocais.
Escavadeiras de ganância
corte mortal em seus veios dourados.
Cofres gelados
sangue da terra trancado...
Ouro arrancado de sua mina adorada.

Um grito de barítono solo
ecoa do magma profundo e
um terremoto sacode
um coração partido e marrom.

Madalena Barranco

Nenhum comentário: