24 de março de 2011

“Belo, é tudo quanto agrada desinteressadamente”.
Immanuel Kant (1724-1804)

Nenhum comentário: