30 de julho de 2010

Nossa ausência de agrura

Richard S. Johnson
Nossa porção de noite
Nossa porção de aurora
Nossa ausência de amor

Nossa ausência de agrura

Uma estrela, outra estrela
Que se extravia!
Uma névoa, outra névoa,
Depois - o Dia!

Emily Dickinson (1830-1886)
Tradução: Augusto de Campos

Nenhum comentário: