31 de dezembro de 2008

Brindemos o ano novo e renovamos a esperança!
Que o próximo ano seja para nós uma constante troca de ternuras.

Um comentário:

Mel disse...

Feliz ano novo!